2018 começa com prioridade para projetos na área de segurança pública | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

2018 começa com prioridade para projetos na área de segurança pública

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) acredita que o Congresso em 2018 começa com a pauta da segurança pública entre as suas prioridades iniciais. Em 2017, ela participou ativamente do esforço concentrado do Senado Federal para limpar a pauta de projetos relativos à área. Desde que assumiu o mandato, ela relatou mais de 40 proposições sobre combate à violência contra a mulher, a tipificação de novos crimes, o aprimoramento do sistema prisional, melhoria na estrutura das polícias e orçamento da segurança pública, entre outros. Mas ao longo de todos os debates, e em diversos discursos proferidos no Plenário do Senado, Simone alertou para o fato de o Brasil cortar e gastar mal o que sobra dos recurso destinados ao setor. “É preciso priorizar a fronteira na Política Nacional de Segurança Pública. MS é o maior corredor do tráfico da América do Sul. Isso precisa ser combatido”, disse

Abaixo, segue o resumo das matérias relatadas ou de autoria da senadora sobre segurança pública

Já é Lei

Disque-Denúncia – PLC 187/2015 – Destina recursos do Fundo Nacional de Segurança Pública para o disque-denúncia.

Transparência – PLC 35/2015 – Obriga a publicação da taxa de elucidação de crimes de forma padronizada.

Projetos aprovados na CCJ:

Orçamento – PEC 118/2011 – veda o contingenciamento ao Fundo Nacional de Segurança Pública (FSN).

Saidão de presos – PLC 146/2017 – reduz de 35 para 8 o total de dias de saída temporária de presos em regime semiaberto.

Exclusão de atenuantes para jovens – PLC 140/2017 – revoga do Código Penal e do Código de Processo Penal a circunstância atenuante e a redução dos prazos de prescrição pela metade para jovens entre 18 a 21 anos.

Bala de borrachaPLC 199/2015 – Munição de borracha só poderá ser disparada por agentes treinados, após se esgotarem todos os procedimentos de uso de menor força e avaliação dos riscos pelo comando da operação

Serviço voluntário na PM e Bombeiros – SDC 01/2012 – prevê a possibilidade de prestação de serviços voluntários por jovens entre 18 e 23 anos, de ambos os sexos, nas áreas administrativa, de saúde e de defesa civil nas polícias militares e nos Corpos de Bombeiros.

Corrupção de menores – PLS 125/2014 – Altera o art. 244-B da Lei nº 8.069, de 13 de julho de 1990 (Estatuto da Criança e do Adolescente), para dar nova configuração ao crime de corrupção de criança ou adolescente. Determina que quem praticar ou induzir menor de 18 (dezoito) anos a praticar infração penal terá pena de reclusão de 1 a 4 anos

Projetos de autoria de Simone Tebet: sistema prisional e tipificação de novos crimes

Cadeias – PLS 37/2017 – Projeto prevê multa a Estados ou empresas que administram presídios em situação degradante.

Furto de petróleo – PLS 182/2107 – Projeto criminaliza furto de petróleo dos dutos da Petrobras. Além do prejuízo de milhões, crime gera riscos à população e ao meio ambiente.

Explosivos – PLS 149/2015 – emenda ao projeto criminaliza furto de explosivos

Já estão na Câmara

Audiências de custódia – PLS 554/2011 – Garante que, em 24 horas, o preso terá audiência com um juiz, um representante do Ministério Público, o advogado ou defensor público.

Tornozeleira eletrônica – PLS 310/2016 – obriga o condenado a pagar pelas despesas com o monitoramento eletrônico.

Trabalho infantil – PLS 237/2016 – Acrescenta o art. 207-A ao Decreto-Lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940 – Código Penal, para caracterizar como crime a exploração do trabalho infantil. O projeto revê até 8 anos de prisão, mais multa, para quem explorar o trabalho noturno, perigoso, insalubre ou penoso de menor de 14 anos.

Estupro imprescritível – PEC 64/2016 – Altera o inciso XLII do art. 5º da Constituição Federal, para tornar imprescritíveis os crimes de estupro.

Estupro coletivo – PLS 618/2015 – aumenta em dois terços a pena para o crime de estupro cometido por duas ou mais pessoas.

Abuso em transporte coletivo – PLS 740/2015 – Tipifica o crime de constrangimento ofensivo ao pudor.

Doação de armas apreendidas – PLS 285/2016 – determina que as armas apreendidas em operações policiais sejam destinadas às polícias Federal, Rodoviária e civis e militares dos estados e do Distrito Federal.

VANTsPLS 167/2017 estabelece regras de uso de veículos aéreos não tripulados (VANTs, espécie de drones) em ações de inteligência, apoio a operações policiais e monitoramento ambiental, de trânsito ou de fronteiras. A medida garantirá custos operacionais menores e mais segurança para os profissionais.

Digital de bebês – PLS 210/2017 – determina que o registro de impressão digital do recém-nascido e da mãe sejam informatizados e acessíveis pela autoridade policial e pelo Ministério Público.

Compartilhe
TAGS

+ Notícias

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A comitiva do governo federal realizou ainda uma visita técnica ao porto de Tabatinga no Amazonas O Acre, um dos Estados mais isolados do país…

leia mais
Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Em evento em Boa Vista, MPO debate projeto das rotas Sul-Americanas com autoridades e empresários de Roraima O Ministério do Planejamento e Orçamento deu sequência,…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Assinatura do documento ocorreu nesta quinta (28/3), em Brasília, e prevê o desenvolvimento de atividades relacionadas aos temas de financiamento externo, gênero e sustentabilidade Durante…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet