CPI da Pandemia investiga suspeitas sobre Covaxin | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

CPI da Pandemia investiga suspeitas sobre Covaxin

Para Simone Tebet, se a opção do governo fosse por vacina mais barata, diferença na quantidade de doses daria para imunizar toda a população adulta de MS e MT

Em entrevista à Globonews na manhã desta quarta-feira (23), a senadora Simone Tebet (MDB-MS)ressaltou que além de investigar atos ou omissões, de boa ou má-fé, de autoridades públicas em relação à pandemia, a CPI tem o objetivo primordial de investigar a aplicação dos recursos públicos pelos governo federal e estaduais, aprovados pelo Congresso, “que não foram poucos”, para constatar possíveis irregularidades em contratos, fraudes, superfaturamentos, assinaturas de contratos com empresas inidôneas, etc.

“Já temos não só indícios, mas provas da materialidade, da omissão e da ação dolosa, e, por alguns, culposa, em relação à condução da pandemia. Falta apenas descobrir quem são esses atores e agora a CPI entra na fase das denúncias”, disse.

Covaxin

Em relação à Covaxin, Simone disse que é importante entender por que se fechou contrato com uma vacina quatro vezes mais cara que a AstraZeneca, por exemplo. Também ressalta a necessidade de investigação sobre suspeitas de tráfico de influência ou advocacia administrativa. “Esse é o momento de se investigar denúncias”.

“Estamos falando de R$ 1,6 bi. Numa análise simples, dá para comprar 20 milhões de doses da Covaxin, mas daria, com o mesmo recurso, para adquirir 30 milhões de doses da Pfizer. Isso significa imunizar mais 5 milhões de brasileiros, o equivalente à população de Mato Grosso do Sul e de Mato Grosso. Só com essa diferença de valores de compra de doses nós teríamos condições de imunizar a população acima dos 18 anos de dois estados da federação brasileira”, disse.

 

+ Notícias

Cidades gaúchas já estão recebendo recursos emergenciais, diz Tebet

Cidades gaúchas já estão recebendo recursos emergenciais, diz Tebet

Ministra do Planejamento e Orçamento detalhou medidas do governo federal de apoio ao Rio Grande do Sul em entrevista; acesso à ajuda ocorre de maneira…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento discute projeto Rotas de Integração Sul-americana com entidades sindicais em São Paulo

Ministério do Planejamento e Orçamento discute projeto Rotas de Integração Sul-americana com entidades sindicais em São Paulo

Iniciativa foi apresentado pela ministra Simone Tebet e pelo secretário de articulação institucional, João Villaverde, em evento com representantes da Força Sindical e de setores…

leia mais
MS recebe mais de US$ 21,2 milhões do Focem para projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico

MS recebe mais de US$ 21,2 milhões do Focem para projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico

Projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico de três municípios de Mato Grosso do Sul foram aprovados pela Cofiex (Comissão de Financiamentos Externos), presidida pelo…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet