“O Brasil não é o país do dedo engatilhado, mas das mãos entendidas a quem precisa”, afirma Simone Tebet, sobre tensão que antecede o 7 de Setembro | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

“O Brasil não é o país do dedo engatilhado, mas das mãos entendidas a quem precisa”, afirma Simone Tebet, sobre tensão que antecede o 7 de Setembro

Simone Tebet criticou na manhã de hoje, terça-feira (6/9), as atitudes do presidente da República e de seus filhos em relação ao que definiu como um incentivo ao uso de armas. As afirmações da candidata foram feitas em entrevista coletiva, após reunião com integrantes da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), em Brasília. “Lamento muito que, na antevéspera de 7 Setembro, o presidente da República e seus filhos incitem população a se armar”, afirmou. “É lamentável, inacreditável e inadmissível a postagem de um dos filhos do presidente dizendo a seus soldados que peguem em armas, utilizem armas, ‘você que tem arma legal, vamos ser um discípulo do presidente’. Está dando uma senha para algo que a democracia proíbe e nós repudiamos.”

Ainda sobre as comemorações do 7 de Setembro, Simone afirmou “estar tranquila”. “Estamos prontos para defender a democracia”, disse. “Nossas candidaturas são um escudo, ao lado da imprensa, para dizer claramente que ninguém mais vai fechar mais o Congresso Nacional.” Ela afirmou que não “acredita em surpresas”, mas ponderou: “Só quero conclamar a população: o Brasil é um país de paz”, afirmou. “O Brasil não é o país do dedo engatilhado, mas das mãos entendidas a quem precisa. A mensagem que temos de passar é de paz e perspectiva.”

A candidata acrescentou que é preciso, neste momento, “entender a independência”: “O país não é livre, não é independente quando 33 milhões de brasileiros passam fome, não é independente quando exclui as minorias, quando estimula o ódio e a violência contra quem pensa diferente. Se tivermos meia dúzia querendo tumultuar, vamos ter milhões de soldados com a bandeira da paz para pacificar.”

Assessoria de Imprensa

+ Notícias

Cidades gaúchas já estão recebendo recursos emergenciais, diz Tebet

Cidades gaúchas já estão recebendo recursos emergenciais, diz Tebet

Ministra do Planejamento e Orçamento detalhou medidas do governo federal de apoio ao Rio Grande do Sul em entrevista; acesso à ajuda ocorre de maneira…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento discute projeto Rotas de Integração Sul-americana com entidades sindicais em São Paulo

Ministério do Planejamento e Orçamento discute projeto Rotas de Integração Sul-americana com entidades sindicais em São Paulo

Iniciativa foi apresentado pela ministra Simone Tebet e pelo secretário de articulação institucional, João Villaverde, em evento com representantes da Força Sindical e de setores…

leia mais
MS recebe mais de US$ 21,2 milhões do Focem para projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico

MS recebe mais de US$ 21,2 milhões do Focem para projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico

Projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico de três municípios de Mato Grosso do Sul foram aprovados pela Cofiex (Comissão de Financiamentos Externos), presidida pelo…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet