Programa Minha Casa, Minha Vida entrega moradias em quatro estados do país | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

Programa Minha Casa, Minha Vida entrega moradias em quatro estados do país

Ministra Simone Tebet participa da distribuição de 537 dessas unidades com o governador Renato Casagrande em Aracruz (ES)

Suzana. Bárbara. Priscila. Sirleida. Quatro mulheres, quatro mães de família entre as 537 que realizaram nesta segunda-feira (23/10) o sonho de ter a própria moradia em Aracruz, Espírito Santo. Ao todo, foram 1.651 famílias contempladas neste conjunto de entregas: 480 receberam suas chaves em São Vicente (SP) na sexta-feira; hoje, em evento simultâneo com a participação virtual do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, foram 384 unidades distribuídas em Maceió (AL) e outras 250 em Santa Maria da Vitória (BA), além de Aracruz. 

“Estamos aqui com a felicidade de termos a nossa própria casa. Para quem paga aluguel não é fácil, ele está tirando o pão da boca dos seus filhos. Hoje eu posso dizer que eu tenho a minha casa”, disse a cadeirante e moradora de Aracruz Sirleida das Neves, no evento que contou com a participação da ministra Simone Tebet e do governador capixaba Renato Casagrande. “Estou muito feliz pela conquista, foram muitos anos de espera, mas valeu a pena”, comemorou Suzana Soares.

Para Tebet, entregar a chave da casa própria a uma mãe de família é uma emoção ímpar. “A casa é a porta de entrada para a cidadania, para todos os outros direitos”, disse. Tebet lembrou das entregas do Minha Casa, Minha Vida quando foi prefeita de sua cidade natal, Três Lagoas (MS). “É sempre uma emoção. Aqui não está a ministra, está a mulher e está a mãe que foi prefeita de uma cidade do tamanho de Aracruz. Naquela época estávamos com Lula na presidência. Foi o momento em que a minha cidade mais recebeu casas populares”, destacou ela.

Operários e operárias

A ministra centrou os agradecimentos nos operários e operárias que construíram os lares. “Os trabalhadores que ergueram estas casas o fizeram com todo o amor e cuidado, porque sabiam que dentro delas iriam morar homens e mulheres de bem, os filhos do Estado do Espírito Santo”, afirmou. Ninguém merece mais uma salva de palmas que os trabalhadores e trabalhadoras que edificaram este empreendimento.”

As moradias não vêm sozinhas, e sim acompanhadas de asfalto, esgoto e iluminação, lembrou ela. “Tem creche, escola e posto de saúde aqui perto. E se faltar vaga, não faltará recurso para a construção”, garantiu. A ministra também apontou que este governo não entrega apenas moradia, mas também inflação baixa e empregos com carteira assinada, e que ela recebeu do presidente Lula a determinação de promover todo ano ganhos reais do salário mínimo.

O governador Renato Casagrande, por sua vez, destacou a parceria entre os governos estadual e federal na construção de moradias, enquanto o prefeito de Aracruz, Luiz Carlos Coutinho, afirmou que esta foi a maior distribuição de casas populares já realizada na cidade. “Casa é dignidade e cidadania”, afirmou. 

Porto seguro

Com as entregas realizadas hoje, sobe para 12.317 o total de moradias distribuídas neste ano na faixa 1 do programa, depois de quatro anos de paralisação. “Estou feliz porque retomamos o Minha Casa, Minha Vida. Pretendemos construir 2 milhões de casas até o fim do meu mandato. A casa é um porto seguro para as pessoas”, disse o presidente Lula, falando do Palácio da Alvorada, onde ainda se convalesce de cirurgia. Ele lembrou de sua primeira morada, ainda de aluguel, e ressaltou a importância da convivência social que um lar proporciona. “Eu sinto no meu coração como se fosse eu que estivesse recebendo uma chave dessas”, afirmou. “Nós queremos dar a vocês o direito de ter o ninho de vocês, para construir a família de vocês com amor.”

A entrega na Bahia contou com a presença do ministro da Casa Civil, Rui Costa, e do governador Jerônimo Rodrigues; em Alagoas, estiveram presentes o ministro dos Transportes, Renan Filho, e o governador Paulo Dantas. Em São Vicente (SP), na sexta-feira, os beneficiários receberam suas chaves das mãos do ministro do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte, Marcio França. “É inédito isso. Vendo a emoção das famílias na Bahia, em Alagoas, em São Paulo, parece que elas estão do nosso lado. Parece que essa energia vem por ondas e chega até o nosso coração”, disse Tebet.

8 milhões de empregos

Falando ao lado de Lula no Alvorada estava o ministro das Cidades, Jader Filho. Ele disse que esta é a missão mais importante de sua vida. O programa foi relançado em apenas 40 dias de governo e os financiamentos já chegam a 350 mil unidades, com a redução de juros e o aumento do valor a ser financiado, lembrou ele. “Vamos bater a meta de 450 mil só em 2023.”

Jader destacou que os pedidos do presidente foram atendidos – as unidades contarão com varanda e os conjuntos terão biblioteca já com livros, graças a um acordo com a Academia Brasileira de Letras. Até o fim do mandato, o programa poderá gerar 8 milhões de empregos diretos e indiretos, segundo o ministro. Jader também mencionou a parceria com os governos locais no Minha Casa, Minha Vida Cidades. “Somando esforços entre os governos dos estados, as prefeituras e o governo federal, trazemos mais gente para o programa. Com isso, mais famílias vão poder realizar o sonho da casa própria. É somando esforços que poderemos fazer com que mais gente realize esse sonho”, afirmou.

Fonte: MPO

+ Notícias

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A comitiva do governo federal realizou ainda uma visita técnica ao porto de Tabatinga no Amazonas O Acre, um dos Estados mais isolados do país…

leia mais
Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Em evento em Boa Vista, MPO debate projeto das rotas Sul-Americanas com autoridades e empresários de Roraima O Ministério do Planejamento e Orçamento deu sequência,…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Assinatura do documento ocorreu nesta quinta (28/3), em Brasília, e prevê o desenvolvimento de atividades relacionadas aos temas de financiamento externo, gênero e sustentabilidade Durante…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet