Reforma não necessariamente será aprovada da maneira como chegou, diz presidente da CCJ | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

Reforma não necessariamente será aprovada da maneira como chegou, diz presidente da CCJ

Senadora Simone Tebet, que está no comando da principal comissão da Casa, afirmou, em entrevista à CBN, que reconhece a necessidade da reforma da Previdência e acredita que ela tem o mérito de atacar classes privilegiadas. Entre os pontos que ela considera que podem ser alterados estão as mudanças no benefício de prestação continuada e a diferença de apenas três anos para homens e mulheres se aposentarem.

senadora Simone Tebet, presidente da Comissão de Constituição e Justiça da Casa, afirmou à CBN que a proposta de reforma previdenciária apresentada pelo presidente Jair Bolsonaro tem o mérito de atacar classes privilegiadas, como a política. Ela disse, no entanto, que o texto não necessariamente será aprovado como veio. “Nossa preocupação é que ela seja profunda, mas não seja profana”, disse. Na avaliação da senadora, a proposta foi bem-aceita e é profunda em razão da necessidade que representa para o país.

Questionada sobre quais pontos ela acredita que o Congresso Nacional pode alterar, ela citou as mudanças no benefício de prestação continuada, que, de acordo com o texto apresentado, prevê que idosos que não tenham meios de se sustentar recebam R$ 400 a partir dos 60 anos e só aos 70 anos passam a receber um salário mínimo. Além disso, ela afirmou que particularmente tem a preocupação com a diferença de apenas três anos para homens e mulheres se aposentarem. “Qual o impacto financeiro disso? Porque as mulheres, embora vivam mais, têm mais dificuldade de entrar no mercado de trabalho e tem o emprego interrompido mais vezes”, avaliou.

De acordo com a presidente da CCJ, todas essas questões “serão amplamente debatidas e levarão em conta a injustiça versus a economia ou o custo de uma alteração no Congresso Nacional”. Simone Tebet também avaliou que a reforma dos militares, embora não tenha sido entregue ao mesmo tempo que a Reforma da Previdência, poderá tramitar em conjunto e as duas podem ser aprovadas ao mesmo tempo

Ouça aqui:

Compartilhe
TAGS

+ Notícias

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A comitiva do governo federal realizou ainda uma visita técnica ao porto de Tabatinga no Amazonas O Acre, um dos Estados mais isolados do país…

leia mais
Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Em evento em Boa Vista, MPO debate projeto das rotas Sul-Americanas com autoridades e empresários de Roraima O Ministério do Planejamento e Orçamento deu sequência,…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Assinatura do documento ocorreu nesta quinta (28/3), em Brasília, e prevê o desenvolvimento de atividades relacionadas aos temas de financiamento externo, gênero e sustentabilidade Durante…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet