Reforma política será foco da bancada feminina no Senado

A participação das mulheres na política será tema prioritário para as senadoras ao longo deste ano. Em café da manhã da bancada feminina nesta quarta-feira (11), na Procuradoria Especial da Mulher, as parlamentares decidiram enfatizar a “Reforma Política inclusiva”.

“Queremos que a Reforma Política contemple as reivindicações femininas para que as mulheres estejam mais presentes nos espaços de poder”, disse a senadora Simone Tebet (PMDB-MS), ressaltando que dos 81 senadores, apenas 13 são mulheres e que apenas 10% da Câmara é composta por mulheres, são 51 deputadas.

Temas como cotas e sistema de voto “distritão” (que elege os candidatos que alcançarem maior votação em cada estado) serão discutidos pelas senadoras. Na última semana de março deve ocorrer uma audiência pública no Senado para discutir a Reforma Política Inclusiva.

O café da manhã reuniu 11 das 13 senadoras para debater também os principais assuntos que devem ser destacados no Senado a respeito da temática feminina ao longo do ano. As senadoras discutiram as atividades da bancada feminina em março, mês do dia internacional da Mulher. A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) sugeriu que na sessão especial para entrega do prêmio Bertha Lutz, cada parlamentar ressalte em rápido pronunciamento os projetos que mais impactarão o universo feminino e peçam agilidade na aprovação das proposições. A sessão está marcada para 11 de março.
Pauta feminina

Cada integrante da bancada feminina vai elencar as proposições que julgar mais importante para solicitar agilidade na votação do Senado. Após o carnaval, haverá outro encontro das senadoras para discutir a pauta feminina prioritária deste ano.

Assessoria de Imprensa

Tags