“Vamos destravar o Brasil com uma nova infraestrutura”, diz Simone Tebet | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

“Vamos destravar o Brasil com uma nova infraestrutura”, diz Simone Tebet

Em Itajaí, Santa Catarina, a candidata afirma que parcerias com o setor privado serão essenciais para avanços na logística do país

A candidata Simone Tebet afirmou na tarde de hoje, terça-feira (23/8), em visita a Itajaí, em Santa Catarina, que promoverá uma ampla parceria com o setor privado para a execução de obras de infraestrutura em todo o país. “O que o Brasil precisa é de uma melhor logística que ajude a destravar as potencialidades do setor produtivo”, pontuou, em entrevistas coletivas concedidas tanto na cidade catarinense como em visita à Universidade do Vale do Itajaí (Univali).

Simone observou que a base para ações nesse campo está pronta, ainda que possa ser submetida a alguns aprimoramentos. Na avaliação da candidata, a remodelagem do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), feita durante o governo Temer, representou um passo importante nessa direção. “A gestão do PT só tinha uma maquiagem de PPIs, por isso as ações nesse campo foram um fracasso e tivemos uma década perdida em relação à infraestrutura”, destacou. “Mas o país está pronto para fazer leilões de rodovias, ferrovias, além de portos e aeroportos. O que precisamos é garantir estabilidade jurídica e institucional para atrair bons parceiros.”

Simone acrescentou que, nesse processo, além de permitir que a iniciativa privada possa obter retorno justo sobre o investimento, é necessário, em contrapartida, que o poder público cumpra seu papel, zelando pela entrega de serviços de qualidade, com preços razoáveis. “Temos de pensar nas pessoas mais simples”, notou.

Entre os compromissos em infraestrutura e logística assumidos por Simone Tebet, constam:
• Promover o investimento em infraestrutura e logística, com agências regulatórias independentes e autônomas, marcos legais claros, transparentes e estáveis, para transformar o país num grande canteiro de obras em ferrovias, rodovias duplicadas, portos, aeroportos, hidrovias e cabotagem;
• Melhorar e aperfeiçoar o ambiente de negócios, diminuir de forma estrutural a burocracia e destravar o desenvolvimento;
• Promover a segurança jurídica, regulatória e institucional, para restaurar a confiança dos investidores no país, incentivar a atração de investimentos e a geração de emprego e renda, abrindo mais espaço para a participação da iniciativa privada na economia, sobretudo em investimentos de infraestrutura e logística;
• Modernizar a infraestrutura viária (rodovias, portos, aeroportos, hidrovias e com foco nas ferrovias), por meio de maiores investimentos privados e melhor governança dos investimentos públicos, com a redução dos custos logísticos numa matriz mais equilibrada, limpa e competitiva, com integração entre os modais, e com base num planejamento de médio e longo prazo, tendo por referência projetos sustentáveis e de maior retorno para a sociedade;
• Aprimorar o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) como instrumento de interlocução, coordenação e informação sobre os projetos de infraestrutura, por meio da elaboração de uma carteira crível de projetos exequíveis, com cronogramas viáveis, em coordenação com estados e municípios, e comprovados por estudos tecnicamente rigorosos.

Assessoria de Imprensa

+ Notícias

Cidades gaúchas já estão recebendo recursos emergenciais, diz Tebet

Cidades gaúchas já estão recebendo recursos emergenciais, diz Tebet

Ministra do Planejamento e Orçamento detalhou medidas do governo federal de apoio ao Rio Grande do Sul em entrevista; acesso à ajuda ocorre de maneira…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento discute projeto Rotas de Integração Sul-americana com entidades sindicais em São Paulo

Ministério do Planejamento e Orçamento discute projeto Rotas de Integração Sul-americana com entidades sindicais em São Paulo

Iniciativa foi apresentado pela ministra Simone Tebet e pelo secretário de articulação institucional, João Villaverde, em evento com representantes da Força Sindical e de setores…

leia mais
MS recebe mais de US$ 21,2 milhões do Focem para projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico

MS recebe mais de US$ 21,2 milhões do Focem para projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico

Projetos de infraestrutura urbana e saneamento básico de três municípios de Mato Grosso do Sul foram aprovados pela Cofiex (Comissão de Financiamentos Externos), presidida pelo…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet