Vítimas de violência doméstica e familiar terão acesso mais amplo à justiça | Simone Tebet
Simone Tebet Simone Tebet

A nova esperança
do Brasil

Vítimas de violência doméstica e familiar terão acesso mais amplo à justiça

O Senado aprovou na noite desta quarta-feira (31) o PL 3244/2020, relatado pela senadora Simone Tebet (MDB-MS), que altera a Lei Maria da Penha para prever o direito de as mulheres optarem pelo ajuizamento de ações de família nos Juizados de Violência Doméstica e Familiar para ação de divórcio, separação, anulação de casamento ou extinção de união estável, guarda e visitação dos filhos, pensão alimentícia, reconhecimento de paternidade e partilha de bens.

Ao relatar a matéria a senadora Simone Tebet disse que a medida amplia o acesso à justiça, assegura celeridade na solução das demandas e evita a revitimização da mulher ofendida.

“Esse projeto vai dar um salto na proteção da mulher. Ela poderá resolver de imediato, sem precisar recorrer a outra instância, questões como pensão alimentícia, por exemplo. Não precisará mais reviver a sua dor, que não é só física, é da alma”, disse a senadora Simone Tebet, líder da bancada feminina.

O objetivo do texto é agilizar o processo, desafogar as Varas de Família, reduzir as chances de revitimização da mulher e promover economia processual, pois dificulta a prolação de decisões conflitantes e potencializadoras de conflitos familiares, inclusive na partilha de bens, especialmente quando a ofendida também sofre violência patrimonial. Dessa forma, a vítima não precisará mais litigar com o agressor em ação ajuizada na Vara de Família para a discussão de assuntos correlatos.

“Esse projeto é mais um passo nesse árduo caminho de combate à violência contra a mulher. Ele permite que a mulher possa resolver os outros assuntos correlatos à separação no mesmo local. Hoje ela já pode ajuizar a ação de separação ou divórcio na Vara de Violência Doméstica e Familiar, mas tem de ir na Vara de Família para discutir questões como pensão alimentícia, partilha de bens, direito à visitação, etc. Precisa passar por outro defensor, por outro juiz, realimentar a sua dor, recontando a sua história, para que ela possar ter completado esse ciclo e se desvencilhar do ex-companheiro. É um projeto importante que temos de enaltecer”, disse a senadora Simone Tebet.

O texto é de autoria da senadora Zenaide Maia (PROS-RN) e segue para a sanção presidencial.

 

+ Notícias

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A transformação da economia será gigante, afirmou Tebet em plenária de discussão das Rotas de Integração Sul-Americana

A comitiva do governo federal realizou ainda uma visita técnica ao porto de Tabatinga no Amazonas O Acre, um dos Estados mais isolados do país…

leia mais
Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Fronteiras são sinônimo de solução, diz Tebet, em plenária sobre as rotas de integração

Em evento em Boa Vista, MPO debate projeto das rotas Sul-Americanas com autoridades e empresários de Roraima O Ministério do Planejamento e Orçamento deu sequência,…

leia mais
Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Ministério do Planejamento e Orçamento e Governo Francês assinam Memorando de Entendimento

Assinatura do documento ocorreu nesta quinta (28/3), em Brasília, e prevê o desenvolvimento de atividades relacionadas aos temas de financiamento externo, gênero e sustentabilidade Durante…

leia mais
Simone Tebet

Quem é Simone Tebet